Pesquisa personalizada

1 de mai de 2009

Para Lula fim da CPMF foi cretinice, passagens da camâra para familiares, não tem nada demais



O presidente Lula disse hoje não ver problemas em usar passagens da Câmara para levar a mulher a Brasília.
.
— Não acho correto. Mas também não acho crime um deputado dar uma passagem para um dirigente sindical ir a Brasília. Eu, quando era deputado em Brasília, muitas vezes convoquei dirigentes da CUT, de centrais para se reunir com passagens do meu gabinete. Graças a Deus nunca levei nenhum filho meu para Europa. Acho que um deputado levar a mulher para Brasília, qual é o crime?
.
A fala Presidencial foi logo após inauguração do Centro Internacional Sarah de Neurorreabilitação e Neurociências, no Rio de Janeiro. Lula estava acompanhado da esposa, Marisa Letícia.
.
Durante a inauguração do Centro, Lula criticou o fim da CPMF se dizendo magoado ele declarou que a extinção da contribuição foi uma "cretinice".
.
— Foi uma pena que tenha caído. Era o imposto mais justo que tinha no Brasil. Caiu por pura ideologia de gente com ódio de enfraquecer o governo Lula. Foi uma cretinice ideológica e política sem precedentes porque temiam um terceiro mandato — disse.
.
— Tenho uma mágoa. A pequenez da política fez um retrocesso, no PAC da saúde. Um dia, a historia do Brasil mostrará que a pequenez, o jogo rasteiro que toma conta da política, faz com que quem pague seja o povo brasileiro.
.
De qualquer forma, presidente, quem paga sempre é o povo. Paga as passagens, pagou a CPMF, e vai continuar pagando enquanto o pensamento de nossos políticos forem assim, como os seus.

Nenhum comentário: