Pesquisa personalizada

3 de abr de 2009

Rio a prova de balas


No plano habitacional lançado na semana passada pelo presidente Lula que projeta a construção de 1 milhão de casas, terá uma particularidade nas casas populares que serão construídas nas favelas do Rio de Janeiro. Elas serão a prova de balas.

As paredes serão erguidas com blocos de concreto compostos de um material a prova de balas de fuzil e metralhadora, o material também serve de isolante térmico e acústico. A empresa inglesa Ultra Green será a fornecedora do material, ela deverá começar a produzir o material em breve. O material já é utilizado em outros paises, como na Alemanha onde já foram construídos 4 milhões de casas. Segundo a empresa, o custo da obra com este tipo de material, reduz em 20%, e uma casa pode ser erguida em apenas 14 horas com apenas 10 operários.

Já que o estado não consegue acabar com a violência, que de condições de sobrevivência aos inocentes envolvidos involuntariamente. É a oficialização da velha história, bandido na rua, cidadão preso dentro de casa, agora em “bunker’s”. É a rendição do Estado diante da violência.

Nenhum comentário: