Pesquisa personalizada

30 de abr de 2009

Gripe suína muda de nome, mas continua se espalhando

A OMS passou a adotar nesta quinta-feira o nome 'Ifluenza A (H1N1)' como denominação oficial para a gripe suína. Mas a mudança de nome não surtiu efeito no vírus que agora, segundo fontes oficiais mexicanas, matou 12 pessoas no México.
.
No Brasil, são quatro os casos de suspeita da gripe, e outros 42 casos sob investigação em 12 estados. Três casos são em Minas Gerais, e um em São Paulo. O Ministério da Saúde disse que está monitorando os quatro casos, e só poderão ser confirmados em cerca de 10 dias, quando deve ficar pronto o reagente para identificação do vírus.
.
Para um caso ser considerado suspeito, ele precisa atender à definição da Organização Mundial da Saúde (OMS): febre repentina acima de 38ºC e tosse combinada ou com dores musculares, ou dores de cabeça, ou dificuldades respiratórias. Além disso, o paciente precisa ter estado nos últimos dez dias em locais onde há casos da gripe ou ter mantido contato com alguém que passou por esses lugares.

Nenhum comentário: