Pesquisa personalizada

9 de jan de 2009

Morte no Rally- Pascal poderia ter sido salvo


O motociclista francês Pascal Terry, encontrado morto na quarta-feira durante a disputa do Rally Dakar, foi vítima de um edema pulmonar. De acordo com a polícia argentina, a autópsia revelou grande quantidade de líquido nos pulmões de Terry, em decorrência de um ataque cardíaco.

"Ele morreu de edema pulmonar, que é causado por parada cardíaca e respiratória. Seu corpo não mostrava sinais de ferimentos ou desidratação", afirmou Julio Acosta, da polícia local, a jornalistas argentinos.

O francês, de 49 anos, foi encontrado em uma região de difícil acesso, distante do percurso do rali, que neste ano é disputado pela primeira vez na América do Sul. Ele estava sem capacete, cercado por água e comida, e na sombra. Terry era procurado desde domingo, quando desapareceu durante a disputa do segundo trecho cronometrado.

Ainda no domingo, o competidor enviou uma mensagem à organização do Dakar, afirmando que estava sem combustível. Depois, ele comunicou que havia conseguido a ajuda de outro participante, mas o rastreamento por satélite mostrava que sua moto continuava parada.
O piloto poderia ter sido salvo se tivesse sido encontrado mais cedo e recebido atendimento adequado.

Nenhum comentário: