Pesquisa personalizada

15 de jan de 2009

Avião cai em New York

Um avião com 150 passageiros e pelo menos cinco tripulantes a bordo caiu nas águas geladas do Rio Hudson, em Manhattan, nos Estados Unidos, na tarde desta quinta-feira. Sobreviventes foram vistos sobre as asas da aeronave, aguardando serem resgatados. Segundo as autoridades, todas as pessoas foram retiradas da aeronave.

O total de passageiros foi confirmado pela US Airways. As primeiras informações davam conta de que 135 passageiros estavam na aeronave.

Ainda não há informações sobre as causas do acidente com o voo da US Airways 1549, que pode ter se chocado com pássaros e tido problema na turbina apenas três minutos após a decolagem. A aeronave, um Airbus A320, saiu do aeroporto de La Guardia rumo a Charlotte, na Carolina do Norte. Um sobrevivente disse à CNN que achava que não havia vítimas, e que todas as pessoas a bordo sobreviveram. Segundo ele, momentos antes de o avião se chocar contra o Rio Hudson, o comandante do voo avisou aos passageiros para se prepararem para o impacto. Segundo a CNN, os passageiros que eram resgatados chegavam a terra em boas condições.

A temperatura em Nova York nesta quinta-feira estava entre -6°C e -13°C no momento do resgate dos sobreviventes no rio, que separa a famosa ilha nova-iorquina do Estado vizinho de Nova Jersey.

Responsáveis pela segurança interna dos Estados Unidos descartaram qualquer possibilidade de o acidente ter sido causado por terroristas. (G1-NYTimes)

O avião que caiu hoje, lembrou uma amiga do blog, é do mesmo modelo que caiu em 17 de julho de 2007 em São Paulo, um Air Bus A320. No acidente da aeronave da TAM, as 176 pessoas que estavam a bordo, morreram.


O acidente, ao contrário de hoje, ocorreu quando a aeronave fazia o pouso no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, atravessou a Av. Washington Luís e bateu em um prédio de carga e descarga da companhia aérea.


A aeronave, Airbus A320, vôo JJ 3054, partiu de Porto Alegre, às 17h16 da terça-feira (17.7.2007), e chegou a São Paulo às 18h45, marcando a história da aviação brasileira como o maior acidente aéreo até então registrado no Brasil.

Nenhum comentário: