Pesquisa personalizada

27 de dez de 2008

Sai Rubinho, entra Senna

A Honda confirmou hoje as negociações com o empresário mexicano Carlos Slim, o segundo homem mais rico do mundo, dono da Telmex. Slim será o novo proprietário da escuderia Honda que ameaçava fechar em função dos altos custos causados pela crise econômica mundial.

Confirmada a negociação, Bruno Senna deverá ser o substituto de Rubens Barrichello na equipe. Bruno é patrocinado pela Embratel, sociedade do grupo Telmex, e todos no circulo apostam no sobrinho de Ayrton Senna para a temporada de 2009. Ele fará dupla com Jenson Button que confirmou sua permanência na equipe.

Bruno têm 25 anos e foi vice na GP2 em 2008. É uma grande promessa como piloto, parece ter herdado do tio o gosto pela velocidade.

Rubinho que não pretendia sair da fórmula 1, após conversar com diretores da equipe, já admite correr em outra categoria.

Os brasileiros torcem para Rubinho continuar correndo, ele foi a grande esperança após a morte de Ayrton, chegou à Ferrari na época errada, correu sempre em nome da equipe e teve que viver à sombra de Schumacher.

Nenhum comentário: