Pesquisa personalizada

14 de dez de 2008

Bush no Iraque

Faltando 37 dias para entregar o cargo a seu sucessor, Bush foi de surpresa ao Iraque tirar sua "casquinha " e, quase se deu mal. Em seu discurso ele defendia a guerra dizendo que era necessária para defender os interesses americanos e dar esperança ao povo iraquiano de viver pacificamente.
Ao ouvir tamanha ironia, um jornalista presente à coletiva, tirou o sapato e jogou contra o presidente americano. O jornalista foi expulso do local, e a entrevista continuou.
O incidente virou piada na boca de Bush, o jornalista foi preso, seu nome não foi informado, entra no anonimato de uma história instantânea que amanhã o mundo já esqueceu. Mas se ele tivesse acertado?
Hoje seu nome estaria estampado em todos os jornais sua foto estamparia camisetas, seria o herói de muitos que odeiam Bush e sua política de guerra.
A guerra no Iraque não acabou, existe uma previsão de que em 2011 as tropas americanas desocupem o país. Só então o mundo saberá se realmente a paz vai reinar no médio oriente.

Um comentário:

manu disse...

O ato de atirar um sapato é um dos maiores insultos para os iraquianos. E muitos de nós brasileiros também tivemos por muitos anos,a vontade de bombardear Bush a sapatadas. rs...

Graças a Deus vamos começar uma nova história. Parece que o mundo está unido em um novo sentimento "esperança" e ela se chama Obama.